MERCADO  &  TECNOLOGIA

Sustentabilidade é tarefa de todos

Ao redor do globo, a Symrise fomenta a proteção climática e um meio ambiente mais limpo. São 120 embaixadores da sustentabilidade trabalhando no mundo inteiro em projetos e ações voltados ao pensamento e à atuação sustentável.

Muitos Symrisers se empenham todos os dias por um mundo melhor, mais sustentável. Todo dia. Exagero? De jeito nenhum! Afinal, proteção e zelo ambiental é um tema presente 24 horas. Ambos são também temas centrais da Agenda de Sustentabilidade (FISC) da Symrise. Colaborar de forma inteiramente pessoal – para isso, é preciso ter uma disponibilidade que vai além da sua job description e, às vezes, também muito fôlego. Dentro e fora do trabalho. Acontece mais ou menos assim: quando Bonita Haikalis, Human Resources Manager, APAC em Sydney, termina à noite suas ações diárias pelo meio ambiente, Mariana Martins, Environment and Sustainability Coordinator, LATAM no Brasil, está se levantando. E começa o dia com seus projetos. Enquanto isso, na hora perfeita do almoço, estão em plena atividade Dominic Mangione, Material Planning, Flavor EAME em Braunschweig, Yolanda van der Riet, Area Sales Manager, Nutrition EAME na Cidade do Cabo, e Gaelle Le Goff, Sensory Project Leader, S&C EAME em Paris. Quando na Alemanha, na África do Sul e na França o dia vai terminando, Bonita recomeça novamente do outro lado do mundo.

Haikalis, Martins, Mangione, van der Riet e Le Goff são alguns dos “sustainability ambassadors”, os embaixadores da sustentabilidade. Atualmente, eles são 120 na Symrise ao redor do mundo. E se tornam cada vez mais numerosos. Os embaixadores identificam demandas, geram, iniciam e impulsionam com sucesso um grande número de projetos de sustentabilidade no mundo inteiro, prestando, com cada projeto, uma contribuição direta para a proteção ambiental, o meio ambiente e a sociedade.

Sustentabilidade é um elemento integrante do nosso modelo de negócios.

Doris Gattermann, Manager Corporate Sustainability

Menos plástico I


O projeto Eliminação e Redução de Plásticos já está sendo implementado mundialmente em muitas unidades da Symrise. Em Holzminden, eram usados antes 20.000 copos plásticos para a pesagem de pequenas quantidades. Agora, os colegas usam 50 copinhos de metal reutilizáveis. Braunschweig melhora sua pegada ecológica substituindo copos de plástico descartáveis por copos de papel rígido. Desde janeiro de 2020, todos os copos de plástico descartáveis estão proibidos. Isso significa a eliminação de 51.000 copos plásticos. O Brasil implementou, em 16 de dezembro de 2019, uma política de zero copo plástico em suas quatro unidades. Impressionante: de 669.350 copinhos por ano a 0 (ZERO!).

UMA TAREFA DE TODOS Os embaixadores da sustentabilidade atuam em todas as divisões e regiões da companhia. Todos se comprometeram com a missão, no seu trabalho e paralelamente a ele. “Tornar a sustentabilidade uma missão de todos para, juntos, gerarmos uma cultura e um ambiente sustentáveis para a Symrise e todos os envolvidos”, diz Doris Gattermann, Manager Corporate Sustainability em Holzminden. Isso não se contrapõe de maneira alguma aos objetivos econômicos da empresa, ao contrário: “Buscamos o sucesso econômico e, ao mesmo tempo, assumimos responsabilidade pelo meio ambiente, pelos colaboradores e pela sociedade. Sustentabilidade é parte integrante do nosso modelo de negócios na Symrise”, ressalta.

Em que Haikalis, Martins, Mangione, van der Riet, Le Goff e seus colegas se empenham concretamente? Quer se trate de eliminar copos plásticos ou coletar óleo usado e lixo eletrônico no mundo todo, de concursos de sustentabilidade para técnicos, assistência em questões de higiene para meninas ou exames preventivos para pessoas nas zonas rurais da África, resgate e criação de focas ou projetos de hortas para garantir alimentação saudável à população carente da África do Sul, instalação de colônias de abelhas ou implementação de bicicletas da empresa para pausas “movimentadas” dos colaboradores em Braunschweig e Paris – o tempo todo, há centenas de projetos de sustentabilidade paralelamente em andamento no mundo inteiro.

“Muitas das nossas iniciativas têm por objetivo reduzir a pegada de carbono em todos os continentes. E, em toda a parte, estabelecer métodos de produção sustentável. Com nossas iniciativas e nossos projetos, queremos mostrar que mesmo pequenas medidas podem produzir algo positivo e, assim, aguçar o olhar para a ação sustentável”, afirma Doris Gattermann. Concretamente, trata-se da eliminação de plásticos descartáveis, menos lixo, menor consumo de água, energia e recursos, mas também de segurança do trabalho e proteção à vida, cooperação com comunidades, lazer e esporte sustentáveis no tempo livre.

Separação de lixo


No Reino Unido, sob o lema “Reduzir! Reutilizar! Reciclar!”, o lixo é rigorosamente reduzido, separado, reaproveitado. Lixeiras para recicláveis também podem ser encomendadas para as residências.

Na Indonésia, o lixo também é separado rigorosamente. Isso não beneficia apenas o meio ambiente, mas “também aumenta o valor do nosso ambiente de trabalho e causa menos odores”, defendem os colegas.

Na Austrália, um “comitê de resíduos” treinou todos os colaboradores para reduzirem e reciclarem lixo no local de trabalho e em casa. Laboratórios, fábricas, depósitos e escritórios são examinados para que plásticos, papel e substâncias químicas sejam reduzidos. Desde então, os objetivos da empresa para a redução de resí­duos têm sido cumpridos e, em parte, até superados.

Em conversas, por exemplo, sobre estratégias para a empresa e as divisões, assim como com atividades e projetos concretos, os embaixadores da sustentabilidade sempre envolvem seus colegas. A rede de embaixadores é aberta, todo mundo é convidado a participar (informações para contato abaixo). Responsáveis globais asseguram o fluxo de informações entre a sede da Symrise, o Comitê de Sustentabilidade e as divisões por meio de conversas regulares com os coordenadores regionais, que, por sua vez, garantem o contato com os embaixadores locais e regionais para, juntos, promover e estimular atividades e iniciativas apropriadas sobre temas locais, focadas nos colaboradores. Importante aí é, sobretudo, a troca de ideias e experiências para que, em conjunto e em todas as regiões, ainda mais resultados sejam alcançados.

Uma deles é Gaelle Le Goff. Ela trabalha desde 2018 na Symrise, em Clichy, e investe muito esforço para a redução dos copos plásticos. “Diariamente, faço o meu melhor para diminuir minha própria pegada de carbono e viver de forma sustentável. Então era lógico que eu fizesse o mesmo na Symrise”, afirma, fundamentando sua motivação. Juntamente com seu time, Le Goff reduziu significativamente o uso de copos plásticos descartáveis na unidade de Clichy. “Explicamos a cada colega que resíduos plásticos têm impactos enormes sobre a biodiversidade e a saúde humana. Depois, oferecemos a todos copos individualmente caracterizados. Todo mundo quis.” Em um próximo passo, os colegas de Paris querem chegar agora a “zero plástico”. Para isso, até aos visitantes estão sendo oferecidos copos reutilizáveis, com sucesso. Os próximos objetivos concretos já estão definidos: “Estamos planejando um local de compostagem para resíduos orgânicos. E queremos tornar a distribuição de amostras no mercado mais ecológica, tanto para cosméticos e produtos de higiene como para alimentos e rações”, relata Le Goff.

Só podemos criar um ambiente sustentável com pessoas sensibilizadas para essa questão.

Dominic Mangione, Material Planning, Flavor EAME

Menos plástico II


Na França, 2.000 colheres reutilizáveis estão substituindo as 20.000 colheres de plástico que eram usadas antes, por ano, para degustações no Dairy Center.

Na Tailândia, desde julho de 2019, garrafas plásticas estão sendo substituídas por copos biodegradáveis, produzidos com biomassa renovável. Nos aterros, sua decomposição gera 70% a menos de gases de efeito estufa. Por mês, há uma redução de 144 garrafas.

Também na Indonésia, os colaboradores agora trazem seus próprios copos para reduzir a quantidade de garrafas plásticas.

Queremos alcançar uma total neutralidade de carbono em aterros.

Mariana Martins, Environment and Sustainability Coordinator, LATAM

Uma das embaixadoras com mais tempo de atividade na rede Symrise é Mariana Martins, do Brasil. Desde 2012, ela é membro do comitê local de sustentabilidade e, desde 2014, embaixadora da sustentabilidade na região LATAM. Mariana Martins já iniciou e acompanhou dúzias de projetos. “Atualmente, estamos trabalhando em dois temas especialmente desafiadores”, conta. “Queremos alcançar a neutralidade de carbono e estamos elaborando planos para evitar o lixo em aterros (“Zero-Waste to Landfill”). E, em relação ao tema aquisição, queremos garantir a rastreabilidade das matérias-primas de modo consequente e sem lacunas. Isso também tem sido exigido por muitos clientes.”

Dominic Mangione, de Braunschweig, ocupa-se há muito tempo com a sustentabilidade, inclusive escreveu seu trabalho de graduação sobre o tema. “Fui simplesmente educado assim, no meu tempo livre, ajo da maneira mais sustentável possível. E aquilo que dá certo na vida privada, também dá certo no trabalho”, acredita. Ações para uso de bicicleta, separação de lixo, a eliminação de 51.000 copos plásticos e 13.500 sacolas plásticas – é longa a lista das ações concretas realizadas em Braunschweig. Nas diversas ações que Mangione acompanhou na Alemanha nos últimos anos, algo, no entanto, também ficou claro para ele: “Só podemos criar um ambiente sustentável com pessoas sensibilizadas para a questão, por exemplo, quanto ao comportamento de consumo ou o uso responsável dos recursos. Cada um pode prestar a sua contribuição!”

Bonita Haikalis veio, em 2016, da indústria australiana de alimentos agrícolas para a Symrise. “Já nessa área eu trabalhei por alimentos limpos, verdes e seguros. Com os embaixadores da sustentabilidade da Symrise e sua rede, nossas atividades aqui ganham mais um impulso certo”, afirma. Dias dedicados à segurança, redução do lixo e reciclagem se tornaram temas urgentes para as pessoas na Austrália. “E nós, a Symrise, fazemos propostas para elas nesse sentido”, orgulha-se Haikalis.

A rede de embaixadores confere a nossas ações o impulso certo.

Bonita Haikalis, Human Resources Manager, APAC

Reaproveitamento


Na Tailândia, sob o conceito de “economia circular”, o lixo também é reciclado. Daí surgem agora sacolas para frutas e malotes, sacos de pão, películas para embalagens e almofadas de ar, absorventes femininos e bolsas de gelo. O conceito de “economia circular” aproveita recursos, reduz resíduos plásticos e diminui a produção de novos itens de consumo. No Brasil, colegas doaram equipamentos de TI usados a jovens e instituições, permitindo que computadores e impressoras sejam novamente utilizados. No Reino Unido, resíduos de alimentos não são mais jogados fora. São destinados agora a organizações beneficentes locais e a um banco de alimentos. Em Singapura, os resíduos de alimentos também estão sendo reduzidos e encaminhados para uma boa causa. Em cooperação com a Allianz francesa, na cidade de Sambava, e com o apoio de escolas e outros parceiros privados, aconteceram em Madagascar um “Piquenique Zero Lixo” e um “Beach Clean Day” para chamar a atenção para a gestão de resíduos, a poluição do ar e dos mares e o desmatamento. Foram recolhidos 14 toneladas de lixo e 128 quilos de plástico.

Em nossas atividades, temos que nos adaptar às preocupações das pessoas.

Yolanda van der Riet, Area Sales Manager, Nutrition EAME

Desafios especiais são enfrentados por Yolanda van der Riet na África do Sul. Seu trabalho diário difere do de muitos outros embaixadores, pois a África ainda é um dos continentes mais pobres – lá, as pessoas têm mais preocupações do que pensar no meio ambiente. “Temos que nos adaptar a isso nas nossas atividades”, explica van der Riet. “Assim, em 2018, em cooperação com a “Child Welfare” e a “The Dignity Campaign”, realizamos dois eventos nos quais pudemos entregar a 100 alunas de escolas locais, da zona rural da província do Cabo Ocidental, um `pacote de dignidade´. Graças aos artigos de higiene desse pacote, essas meninas têm condições de frequentar a escola também durante o seu período menstrual.” O `pacote de dignidade´ é suficiente para cinco anos, diz van der Riet, com orgulho. Atualmente, os embaixadores da sustentabilidade sul-africanos convertem papel usado de embalagens em dinheiro para financiar outros projetos. Estão sendo planejadas opções para saúde psíquica, exames preventivos e diagnóstico precoce. “Temas dos quais os africanos ouvem falar pela primeira vez na vida deles”, acrescenta van der Riet.

CADA CONTRIBUIÇÃO CONTA São vários pequenos projetos e alguns maiores que os embaixadores da sustentabilidade da Symrise realizam com êxito há anos. Cada um por si só não significa uma revolução. Mas cada um traz um benefício perceptível e mensurável. “Contudo, é sobretudo na soma de todas as atividades que a empresa, os embaixadores da sustentabilidade e todos os colaboradores da Symrise prestam uma grande contribuição para a proteção ambiental, o meio ambiente e a sociedade no mundo inteiro”, Doris Gattermann está certa disso.

A rede de embaixadores da sustentabilidade é um projeto- piloto em termos de sustentabilidade na Symrise. Com seu engajamento, os colaboradores assumem responsabilidade pelos nossos clientes, consumidores, colegas, pela sociedade e pelo meio ambiente. E prestam uma importante contribuição para o alcance dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas.
Dr. Heinz-Jürgen Bertram, CEO

Saiba mais sobre todos os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU no SymPortal: https://t1p.de/SYM-SDG


Você encontra mais informações sobre a rede de embaixadores aqui: https://t1p.de/SYM-Sust-Ambassador

Como se tornar um Sustainability Ambassador?


Lutar pelo meio ambiente e pelo próximo é prova de responsabilidade e atitude. Quem se interessa pelos temas da sustentabilidade e se sente motivado a trabalhar em projetos relacionados a eles –conquistando também os colegas para a causa – estará no lugar certo entre os embaixadores da sustentabilidade. Esse engajamento ocorre paralelamente ao trabalho.

© Symrise All rights reserved 2020